segunda-feira, 29 de agosto de 2016






AGACHAMENTO



Resolvi postar hoje sobre o queridinho das academias, o agachamento, que realmente, depois de 27 anos de treino também aprovo esse exercício, ele surpreende tamanho o benefício que traz para nós mulheres. Tem o poder de definir não só pernas, para quem acha que é somente essa parte do corpo que é trabalhada engana-se muito, ele define também e torneia o bumbum e deixa você com aquela barriguinha sarada!!! Novidade pra voces??? Então quero desafiá-las a incluir este exercício no seu treino, e me contem se gostaram, deixe abaixo nos comentários o que voces acharam, vou adorar saber como andam satisfeitas.

Então quer uma dica minha? Se você tiver sem tempo para malhar e tiver que escolher o que fazer, aposte no agachamento, você estará salva até voltar a treinar pesado.

O agachamento é um dos exercícios mais completos da musculação. Um exercício que reproduz um movimento considerado básico para o ser humano. Além disso, que vem sendo amplamente estudado pela ciência e se mostra na teoria e na prática como sendo um dos mais importantes do treinamento físico. O agachamento é vital para grande parte das pessoas, que querem bons resultados em seu treinamento. Por ser um exercício que reproduz um padrão motor básico de qualquer pessoa (veja como os bebês agacham de maneira correta), ele pode ser usado por grande parte das pessoas, desde que estas não tenham problemas articulares ou lesões que podem ser agravadas por este movimento.

Ele define pernas, bumbum e barriga, melhora a postura e triplica os resultados desejados. Se a ideia e deixar o bumbum durinho, as coxas definidas e a barriga sarada, o agachamento deve ocupar o topo da sua lista de exercícios praticados para melhorar a forma. Ele pode ser considerado um dos exercícios mais completos que existem, pois a composição dos músculos, articulações e tendões envolvidos é grande, conta a professora de musculação Tatiane Cupertino da EdgeLife Sports em São Paulo. Para executar o agachamento, no entanto, é preciso ter cuidado para não causar lesões, sobretudo nos joelhos e na coluna. Por isso, é de bastante relevância que se tenha sempre um bom acompanhamento nos seus treinos.

ALGUNS BENEFÍCIOS DO AGACHAMENTO

1-Grandes músculos ativados

2-Elevado gasto calórico

3-Melhora da funcionalidade do corpo

4-Exercício de alta intensidade, por isso mais eficiente

5-Barriga definida

6-Bumbum durinho

7-Pernas torneadas

8-Diminui problemas de coluna

Gostaram? Esses são alguns dos benefícios que o agachamento pode fazer por você. então vamos lá e mãos na massa, ops...pernas no agachamento!!!

Uma boa noite a todas e ótimo treino esta semana!







referências: Treino Mestre; site Minha vida





domingo, 28 de agosto de 2016



INCONTINÊNCIA URINÁRIA X ATIVIDADE FÍSICA


Tema delicado esse de hoje heim amigas, quem não conhece alguém que passa ou já passou por esse probleminha chato! Algo que não atinge só mulheres mais velhas não, mesmo jovens, e que praticam atividade física, o que na verdade faz desencadear a IU,  por isso, vou tentar ajudar um pouco e passar algumas informações para reverter este problema.


A incontinência urinária (IU) consiste na perda involuntária de urina. Entre as principais causas, tem-se a idade mais avançada devido a falta de hormônios (hipoestrogenismo); obesidade; número de partos; cirurgias vaginais prévias; constipação crônica; doença respiratória crônica ou outras condições que aumentem a pressão abdominal.

O curioso é que tem se observado um número crescente de casos de IU em mulheres que não tem esse perfil. São mulheres jovens, nulíparas (sem filhos), não obesas, mas que tem em comum a prática de atividade física. Quase metade de todas as mulheres que se exercitam regularmente apresentam algum sintoma de IU e dentre as atletas profissionais esse número varia entre 30-80%. Um fator etiológico pode ser o tipo de atividade física realizada, causadora de uma pressão cronicamente alta sobre o assoalho pélvico.

Rejuvemescimento vaginal e tratamento da incontinência urinária à laser

Este procedimento é realizado através do Laser Erbium Yag, para tratamento da flacidez vaginal, para melhorar os efeitos da incontinência urinaria ou consequências de um prolapso vesical (queda da bexiga). Também utilizado nas questões de estética. Podemos, pelas novas técnicas, melhorar a aparência externa da vagina e como tal renovar a relação com o seu parceiro devido à melhora de sua autoestima.


Então é isso, procure seu ginecologista e converse com ele sobre esse Laser, caso você esteja passando pela IU, assim você pode voltar a malhar sem medo! Beijos a todas!


sábado, 27 de agosto de 2016




DESTOXIFIQUE SEU CORPO

Amigas, tudo o que eu postar pra voces, vou testar em mim mesmo pra ver o resultado primeiro, so vou postar se for bom...e aqui vai uma receitinha que é um up para dar aquela mãozinha na dieta e queima de gorduras tãoooo indesejadas, e ainda desinchar e desintoxicar seu corpo. Esta receitinha e do médico Dr. Juliano Pimentel.

Suco detox:

2 colheres (sopa) de vinagre de maçã
2 colheres (sopa) de suco de limão
1 colher (chá) de canela
uma pitada de pimenta dedo de moça
adoçante Stevia
Consumir 20 minutos antes das refeições por 2 semanas

E aqui vai mais 10 outras dicas de como destoxificar seu corpo...

Você andou passando dos limites e comendo mais do que está habituada (e, o pior, pratos que não está acostumada)? A ingestão de alimentos ricos em gordura e açúcar, assim como enlatados, contribui para o aumento de componentes tóxicos no organismo - que, sobrecarregado, pode não dar conta de todos eles.

Resultado: células inflamadas, resistência baixa, cansaço, pele opaca e peso extra. “O corpo elimina naturalmente as toxinas pela transpiração, respiração, fezes e urina. Só que às vezes o acúmulo dessas substâncias é tão grande que é preciso dar uma forcinha fazendo uma dieta desintoxicante”, diz a nutricionista Isabel Jereissati, responsável pela área de nutrição do Spa Casas Brancas, em Búzios (RJ).


1- Evite industrializados


2-Experimente a farinha de banana verde


3-Aposte em frutas cítricas


4-Coma alimentos crus


5-Coloque uma folha de couve no cardápio


6-Tome chá de hibisco


7-Beba muito líquido


8-Invista em chá verde com gengibre


9-Adicione maçã e brócolis à dieta


10-Consuma fibras









     

IOGA


Esta postagem foi feita com todo carinho a pedido de uma amiga, Cristiane...ela toda desesperada me pediu ajuda, queixando-se de ansiedade e inchaços pelo corpo. 


Bom, primeiramente agradeço a ela a confiança nos meus conselhos de amiga!!! Decidi começar com um pequeno texto para vocês refletirem, e vou deixar uma dica de atividade física também, a Ioga. 

Espero que a ajude um pouquinho! 

"Tudo o que vive agora; saúde física; saúde emocional; saúde financeira; relacionamentos, é a sua vida. 

Você pode mudar tudo agora; ou fazer de conta que está tudo bem... 

A Lei da mente é implacável. O que você pensa, você cria; o que você sente, você atrai; o que você acredita, torna-se realidade." 

Siddhartha Gautama. 

Somos muitas em nós mesmas, como disse o texto: física, emocional, relacionamentos, enfim, vou postar hoje pra vocês um pouco sobre a Ioga que poderá ajudar quem estiver com ansiedade, mas lembramos que não descuidaremos das demais partes de nós!!! É só seguir o blog que terão outros temas relacionados em breve! 


Ioga - uma arma contra a ansiedade 

Não parar um minuto mesmo quando o corpo não está em movimento é um quadro de ansiedade. A mente não desacelera, e os pensamentos e preocupações vão tomando conta sem dar descanso. Para enfrentar esse problema comum da modernidade já é comum os médicos sugerirem um remédio bem longe da alopatia: a ioga.

O psiquiatra do Instituto Sinapse, de Campinas, Frederico Augusto Marcondes Facchini, ressalta que a técnica indiana é capaz de melhorar o quadro de ansiedade por ser uma oportunidade de desacelerar a mente.

“A ansiedade gera sintomas de sofrimento, como a dificuldade para lidar com espera, irritabilidade, tremores, angústia, pensamentos distorcidos e constantes sensações de que nada dará certo”, enumera o especialista. Daí a explicação para as famosas dores de cabeça, nas costas, a gastrite e outros tantos males provenientes da agitação sem fim.

De acordo com a professora Ângela Roberta Grizzo, de Jaú, a mente tende a ter pensamentos que oscilam entre o passado e o futuro, favorecendo o desgaste energético e cansaço do corpo. “Por meio da prática da ioga a pessoa é estimulada a modificar a respiração e a se concentrar somente no corpo e no presente, fazendo com que as preocupações sejam esquecidas”, afirma a profissional, formada pelo Instituto de Yoga Narayana e com especialização na Índia.

E é justamente no aprendizado de controlar a respiração com a ioga que está o segredo para combater a ansiedade. “No processo respiratório há uma questão física, que é a parte do movimento dos músculos, e uma questão bioquímica, que é a oxigenação do sangue dos tecidos. Com a ioga você consegue trabalhar e equilibrar as duas partes”, revela o professor da academia A! Body Tech, no Rio de Janeiro, Ricardo Raposo. Ele complementa: “O excesso de pensamentos e preocupações pode travar o corpo”.

Boa notícia para quem teme que a correria diária seja um empecilho para a prática: é possível levar a ioga para o ambiente de trabalho ou para situações do dia a dia e, assim, lidar melhor com o estresse. O professor Isaias Lemes Vieira Junior, da academia Bio Ritmo, de São Paulo, explica: com técnicas da Yoga Nidra (uma modalidade da prática), é possível trabalhar o relaxamento induzido, que tem como objetivo manter a pessoa concentrada, calma e presente.

“É possível utilizá-las em algum momento do dia onde se tenha um ambiente tranquilo, que permita a mentalização de paisagens, cores, sons ou cheiros, levando a mente a concentrar-se em algo diferente de um ambiente hostil”, ensina.

Meninas era isso que queria sugerir por hoje! Um ótimo fimal de semana a todas e boa Ioga!!!






























































CINTA MODELADORA PARA A CINTURA


Vou falar um pouquinho sobre a febre do momento, isso mesmo é ela a Cinta Modeladora para a Cintura, tantas dúvidas sobre esse assunto e vejo ai que muita gente anda usando de forma inadequada algo que podera ser sua aliada.


BENEFICIOS DE USAR A CINTA

Alguns tipos de cintas ou faixas são indicados para ajudar a corrigir a postura e evitar a dor nas costas e podem ser usadas quando estiver fazendo exercícios ou durante o dia, podendo ser usada por ate 4 horas seguidas e e muito importante respeitar esse tempo de uso.


CINTA MODELADORA AFINA A CINTURA?

Apesar de aparentemente o uso da cinta afinar a cintura, esta não deve ser usada de forma frequente porque seu uso excessivo pode na verdade impedir a a contração natural dos músculos do abdômen, levando à fraqueza desses músculos e à flacidez na barriga. Além disso, também pode causar problemas de saúde como prisão de ventre e má digestão e por isso as cintas modeladoras não devem ser usadas por mais de 4 horas por dia, nem devem ser usadas para dormir.
Além disso as cintas modeladoras não queimam gorduras, e o estreitamento que se ve na cintura enquanto se usa a cinta, e logo após a sua retirada é momentâneo.

Posterei mais sobre este assunto!



CÍNTIA PERSONAL TRAINER
PARA CONTRATO DEIXE NOS COMENTÁRIOS!


Tipos de Whey Protein e seus Benefícios

Meninas resolvi escrever esse post de forma simples e direta pois muitos me perguntam qual é a diferença entre os Whey Protein Concentrado, Isolado e Hidrolisado.
Resumindo, a Whey Protein é uma proteína que provém do soro do leite (considerado melhor fonte de proteínas), de alto valor biológico é a mais rica fonte de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA). Fornece ao corpo o nível perfeito de aminoácidos para a força, recuperação e construção celular.
Alguns efeitos da suplementação com Whey Protein:

  • Aumento de massa muscular magra;
  • Recuperação e reparo acelerado dos músculos;
  • Redução da ruptura muscular pós treino;
  • Aumenta a taxa metabólica.

Whey Protein Concentrado

Pode fornecer de 29 a 89% de proteína, dependendo do tipo de produto. Quanto menor o nível de proteína concentrada, maiores são os níveis de gordura e lactose, podendo conter grandes quantidades de imunoglobulinas e lactoferrinas. É mais utilizado como aditivo alimentar, devido seu baixo custo e processo de fabricação. Não é indicado para intolerantes à lactose. É a forma mais barata e rica em aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada, que permitem a liberação de componentes bioativos responsáveis pela aceleração do anabolismo e recuperação muscular.

Whey Protein Isolado

 É a forma de Whey mais pura, contendo cerca de 90% ou mais de proteína em sua composição. Além disso, a maioria das Wheys Isoladas são isentas de gordura e com menos de 1% de lactose, sendo o mais indicado para os portadores de intolerância à lactose. Possui todas as vitaminas e mineras do leite, além de todos aminoácidos essenciais, não essenciais e condicionalmente essenciais. Sua digestão é considerada ótima.

Whey Protein Hidrolisado

Este tipo de Whey possui as cadeias de proteínas quebradas em menores segmentos, os peptídeos, tornando-o mais fácil e rápido de ser digerido. É um tipo de proteína que tem menores possibilidades de causar reações alérgicas. Pode conter traços de gordura, carboidratos, gordura e mineiras. Necessita de muitos litros de leite para ser confeccionado.
Fique sempre atento à composição (ingredientes) do seu Whey, a legislação exige que os ingredientes sejam colocados em ordem de maior quantidade, e por incrível que pareça, existem alguns contendo maltodextrina como primeiro ingrediente, então, atenção!! Vale também observar o tipo de adoçante presente, dando preferência sempre à stevia e evitando os adoçados com aspartame, etc.
Espero que tenha ficado um pouco mais claro a diferença entre eles, um grande abraço e até o próximo post!

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

ALIMENTAÇÃO X ATIVIDADE FÍSICA

A Cada dia que passa, a obesidade aumenta no cenário global e preocupa a OMS - Organização Mundial de Saúde, já que a mesma acomete e muito o organismo humano, levando á diversas patologias como: diabetes, colesterol alto, triglicerídeos, problemas cardiovascular, entre outras. 

Há uma grande preocupação no que se diz respeito a práticas regulares de exercícios físicos, para combater á Obesidade, mais vale ressaltar que somente os exercícios físicos sem o controle de ingestão alimentar resultam em resultados não esperados. 

É de suma importância, que aliada á atividade física á alimentação seja de maneira regular e saudável, evitando o consumo excessivo de açúcar, sal, conservantes, acidulantes e gorduras. 

Fica a recomendação para quem queira começar á pratica de atividades físicas: 
1 - Passar por uma Avaliação Física Minuciosa; 
2 - Montar um plano de exercícios juntamente com um profissional de Educação Física; 
3 - Usar tênis e roupas leves; 
4 - Não esquecer-se da hidratação antes, durante e depois dos exercícios. 

E acima de tudo ter uma grande vontade e perseverança, já que os resultados não aparecem de repente, e sim com um ciclo longo de exercícios Físicos. 

Então, mãos á obra e boa sorte!

EXERCÍCIO DE PRANCHA

7 Exercícios Para Prancha Abdominal


Levante a mão quem quer uma barriga sequinha, pronta para o verão! É o desejo de homens e mulheres, enxugar as gordurinhas da barriga e deixá-la lisinha – termo usado atualmente é “chapada”. Chapar a barriga não é uma tarefa tão complicada, basta que haja muita disciplina, perseverança, foco e que saiba os métodos certos.
As academias oferecem uma variedade de equipamentos que ajudam nos exercícios para trabalhar a barriga, diminuindo e tonificando-a. Os profissionais sabem os tipos de exercícios e sabem e indicam a forma como devem ser feitos.
Até algumas décadas atrás, a única maneira que conhecíamos era aquelas sequências de abdominais clássicos, onde a pessoa ficava deitada e elevava o tronco, por repetidas vezes.
Mas há um programa de exercícios que vem se destacando e é o que traz a promessa da barriga chapada: prancha abdominal.

O que é prancha abdominal

Prancha abdominal é um exercício de concentração de força isométrica – que significa sem movimentos – que envolve manter-se em uma posição difícil por longos períodos de tempo. A posição mais comum é a de frente, na posição de flexão, com o corpo apoiado nos cotovelos, antebraços e dedos dos pés.
A prancha abdominal não é um exercício que faz emagrecer, ela fortalece, desenvolve, tonifica e define os músculos abdominais, das costas e ombros, além de ser ótima para melhorar a postura. Para a função de emagrecer, o recomendado são os exercícios aeróbicos– o que não impede que continue utilizando a prancha abdominal como parte de treinamento. Importante lembrar que se o objetivo é perda de peso, a alimentação saudável é importante.

Exercícios para prancha abdominal

1. Prancha frontal

  • De bruços, você tem que apoiar os cotovelos e o antebraço no chão e deixá-los alinhados aos ombros
  • Com as pontas dos pés apoiadas no chão, alinhe-os com os cotovelos
  • O corpo tem que ficar ereto e então você deve contrair o abdômen
  • Nessa posição, você deve tentar ficar por 30 segundos.
  • Relaxe e faça novamente – pode fazer 5 séries

2. Prancha com abertura lateral de perna


  • De bruços, com mãos espalmadas no chão
  • Estenda as pernas e as mantenha levemente afastadas, as pontas dos pés apoiadas no chão
  • Eleve o corpo e estenda os cotovelos, mas sem travá-los
  • Eleve um dos joelhos pela lateral do corpo até alcançar a linha dos quadris
  • Repita de 10 a 15 vezes com cada uma das pernas e desça

3. Prancha frontal alternando os braços – ou com elevação de braços


  • De bruços, com mãos espalmadas no chão
  • Estenda as pernas e as mantenha levemente afastadas, as pontas dos pés apoiadas no chão
  • Eleve o corpo e estenda os cotovelos, mas sem travá-los
  • Levante um dos braços para a frente e volte – repita com o outro braço – faça 5 séries com cada braço
Variação: alternando pernas e braços. Fazer o mesmo exercício, apenas intercalando pernas e braços, em séries de 5 para cada um.

4. Prancha lateral ou flexão lateral de tronco


  • De lado, deixe as pernas unidas e os joelhos um pouco flexionados
  • Apoie o cotovelo e o antebraço no chão e alinhe o cotovelo com o ombro
  • A mão livre apoie na cintura e eleve os quadris
  • Apenas o cotovelo e o antebraço e a lateral do pé devem ficar apoiados no chão
  • Com o corpo alinhado, contraia o abdômen
  • Tente ficar por 30 segundos e depois refaça, com o outro lado – 5 séries para cada lado

5. Prancha lateral com torção


  • De bruços, apoie os antebraços no chão
  • Estenda as pernas e as sobreponha, com as laterais dos pés encostadas no chão
  • Suba o corpo, erguendo os quadris, que estarão levemente torcidos/rotacionados
  • Segure por 20 segundos
  • Desça e faça com o outro lado – faça 10 movimentos com cada lado

6. Prancha com movimento de quadris e torção


  • De bruços, apoie os antebraços no chão
  • Estenda as pernas e as sobreponha, com as laterais dos pés encostadas no chão
  • Suba o corpo, erguendo os quadris, que estarão levemente torcidos/rotacionados
  • Erga a mão direita para o alto
  • Desça o braço e o leve por baixo do corpo, em direção às costas
  • Desça, fique na posição inicial e faça com o outro lado – faça 10 movimentos com cada lado

7. Ponte

  • Deitar de barriga para cima, joelhos flexionados, pés no chão e mãos ao longo do corpo
  • Comece a elevar o quadril a partir da lombar, até apoiar o corpo na parte alta das costas
  • Retorne a posição inicial – faça 3 séries de 15 repetições

Dicas:

  • Comece com 30 segundos e assim que sentir que a sua resistência está aumentando, vá aumentando o tempo.
  • Caso não consiga ficar na posição nas primeiras vezes, use o joelho para apoiar-se, até conseguir a posição correta, que é apenas os cotovelos e as pontas dos pés apoiados no chão.
  • Se tiver muita dificuldade em fazer os exercícios, como a prancha lateral, use uma bola, pelo menos no início, até acostumar-se e ter resistência e equilíbrio suficiente.
  • Tenha sempre acompanhamento de um profissional, com esse acompanhamento você saberá a hora certa de aumentar o tempo, as séries e os graus de dificuldade.